Home » IPI reduzido de veículos vai até o final do ano

IPI reduzido de veículos vai até o final do ano

Na abertura do 27º salão do automóvel de São Paulo, a presidente Dilma Rousseff deu uma boa notícia aos importadores e fabricantes: a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) será prorrogada até o final do ano – anteriormente a previsão era apenas até o final de outubro. A partir de 1º de janeiro de 2013, entra em vigor o regime automotivo Inovar-Auto, que exige a nacionalização de processos e investimentos no Brasil para a desoneração de impostos.

Dilma defendeu o programa dizendo que é necessário gerar conhecimento e tecnologia no País. De acordo com ela, o Brasil é um mercado “apetecível” como teria dito uma ministra de um país latino-americano. “Queremos gerar tecnologia, por isso insistimos tanto na formação. Temos de cuidar da nossa indústria e o programa é dizer para a indústria ‘queremos te apoiar'”, declarou.

IPI reduzido prorrogado ate final do ano

Dilma Rousseff ouviu do presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Sérgio Nobre, uma reclamação em relação ao programa voltado para o IPI. De acordo com o sindicalista, o Inovar-Auto “não garantiu o desenvolvimento do País”. Já o presidente da Associação Brasileira das Empresas Importadoras de Veículos Automotores (Abeiva), Flávio Padovan, disse que os importadores não podem ser vistos como inimigos.

A presidente da República fez ainda uma separação entre o momento vivido pelo mercado brasileiro (IPI baixo) e o atual dos países desenvolvidos – a quem chamou de mercado maduro. Dilma afirmou que a classe média está sendo “destruída” na Europa. “É um cenário totalmente distinto dos países desenvolvidos, onde os mercados estão maduros e a classe média está sendo destruídas notadamente nos países europeus”, declarou. Ela afirmou ainda que o Brasil está comprometido com um gasto menor de energia e exaltou a matriz energética do País. “O mínimo de energia renovável em nossos carros é de 20%”.

Dilma esteve no 27º Salão do Automóvel de São Paulo acompanhada do governador do Estado Geraldo Alckmin (PSDB), do ministro das Cidades Aguinaldo Ribeiro e do ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel. Além do prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab (PSD), entre outras autoridades.

 

Para ler mais notícias, clique em www.blogdalider.com.br. Informações sobre a LiderBH visite nosso site. Siga-nos no Twitter e Facebook

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *