Home » Chevrolet Trax é confirmado na Argentina e adiado no Brasil

Chevrolet Trax é confirmado na Argentina e adiado no Brasil

O SUV Trax teve o seu desembarque no Brasil prorrogado pela Chevrolet. De acordo com o presidente da montadora no Brasil e América do Sul, Jaime Ardila, há muita vontade por parte da Chevrolet em trazer o modelo para o Brasil. A única barreira que anda atrapalhando a vinda do Trax para o mercado nacional é o limite de carros que a montadora pode importar do México, de onde já vêm a Captiva e o Sonic.

A informação foi dada pelo Ardila na última quarta-feira (19), no Salão Internacional de Automóveis de Buenos Aires, onde o pequeno SUV da Chevrolet, um dos destaques da marca no estande, foi confirmado para o mercado argentino, onde não enfrentou as mesmas dificuldades que no Brasil. Na Argentina o modelo terá o nome de Tracker.

Os países responsáveis pela fabricação do Trax são México e Coreia do Sul. No caso do Brasil, seria mais fácil trazer os carros do México, já que eles chegariam sem impostos de importação, devido ao acordo comercial firmado entre os países envolvidos. No entanto a comercialização é restrita a cotas. O que, até então, impede a vinda dos modelos da Coreia do Sul, são os custos de operação e IPI elevados. Diante desses problemas, a solução seria produzir no Brasil, mas, ao menos por enquanto, a possibilidade já foi descartada. Segundo a própria Chevrolet, as fábricas nacionais já estão funcionando com a capacidade máxima.

 

 

Para ler mais notícias, clique em www.blogdalider.com.br. Informações sobre a LiderBH visite nosso site. Siga-nos no Twitter e Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *